• Laguna News

Carta aberta sobre a greve professores da Rede Municipal de Ensino de Laguna Carapã


O SIMTEB (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação Básica) de Laguna Carapã vem a público expor posição sobre reajuste do Piso Salarial Nacional do Magistério, bem como esclarecer a respeito da greve que se iniciará no dia 22 de março de 2022.


A lei 11.738/2008 instituiu a Lei do Piso Salarial Nacional do Magistério, no entanto, todos os anos é preciso empregar esforços para pressionar os Governos Estaduais e Municipais para cumprirem essa lei. O Piso é o menor salário que deve ser pago aos professores de Educação Básica, com carga horária de 40h/a semanais, em nível médio. Porém, ele não é suficiente para promover a verdadeira valorização de uma categoria tão importante para a Sociedade.


Atualmente, o piso salarial dos professores da rede municipal de Laguna Carapã é R$ 1.445,86 para uma jornada de 20 horas, enquanto os professores da rede estadual é R$ 2.793,88 (para a mesma carga horária de trabalho). Sem falar que, nesses últimos dois anos, não houve reajuste por impedimento da Lei Complementar 173/2020, que congelou os salários até 31/12/2021.


Em 4 de fevereiro de 2022, por meio da portaria nº 67 do ministério da Educação, foi oficializado o reajuste do piso salarial profissional nacional do magistério, no percentual de 33,24% (trinta e três vírgula vinte e quatro por cento).


Mesmo antes do anuncio do percentual a classe já vinha se reunindo com o prefeito, tentando manter um diálogo, porém o prefeito se mostrou irredutível, desde o início impôs o percentual de 13%, não havendo êxito nas conversas e tentativas de negociações às propostas da classe de aumento de percentual ou de escalonamento de valores. Mesmo o SIMTEB tendo rejeitado a proposta, o poder executivo enviou à Câmara Municipal projeto de lei.


No dia 16 de março a categoria aderiu a mobilização nacional pela educação e fez uma paralisação, tendo a esperança de sensibilizar o prefeito para as demandas da classe, porém ao se reunir mais uma vez com os professores, o prefeito se mostrou irredutível. Infelizmente nos obrigando a tomar medidas drásticas.


Assim sendo, o SIMTEB vem a público informar a toda a comunidade escolar, pais, alunos, e a toda a população, que a partir do dia 22 de março de 2022, terça-feira, os professores da Rede municipal de Educação de Laguna Carapã entrarão em greve por tempo indeterminado, até que nossas reivindicações sejam atendidas.


Não estamos somente reivindicando o reajuste salarial de acordo com a lei, estamos reivindicando a valorização da classe, com salário digno, com condições de trabalho, material adequado, reforma da estrutura física das escolas, entre outras reivindicações que vêm de encontro com a valorização da educação.


Contamos com o apoio e a participação de toda a sociedade, pois uma sociedade que não valoriza o professor, desconhece seu próprio valor.


Estamos vigilantes! Exigimos respeito, compromisso, justiça e valorização. Merecemos os 33,24% e não abrimos mão de nossos direitos nem negociamos nossa dignidade.


Um país desenvolvido só se constrói com valorização da Educação, da Cultura e do Magistério!


SIMTEB Laguna Carapã



Informe Publicitário

Fonte: SIMTEB Laguna Carapã

290 visualizações0 comentário
CAMARA-LAGUNA-CARAPA-2022-Balanço-das-ações-FULLBANNER-900x120-px.gif